ESTADO APRESENTARÁ METAS PARA DESPOLUIÇÃO DA BAÍA DE GUANABARA EM ATÉ 60 DIAS

O Governo do Estado apresentou as obras que já estão em andamento e firmou compromisso com o Ministério Público Estadual de entregar um relatório com metas em até 60 dias

Ascom Palácio Guanabara

 

O secretário da Casa Civil, Regis Fichtner, o secretário do Ambiente, Carlos Minc, e o presidente da Nova Cedae, Wagner Victer, participaram, na tarde desta quinta-feira (19/7), de uma audiência pública na 3ª Vara de Fazenda Pública do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJ-RJ) sobre a despoluição da Baía de Guanabara. O Governo do Estado apresentou as obras que já estão em andamento e firmou compromisso com o Ministério Público Estadual de entregar um relatório com metas em até 60 dias.

 

Para o secretário Regis Fichtner, a audiência foi positiva e mostrou que o Governo tem projetos bem definidos para a despoluição da Baía.

 

– Vamos criar mais troncos coletores de forma que a gente possa levar mais esgoto para as estações de tratamento. Vamos construir mais uma estação, pelo menos, erradicar os lixões no entorno da Baía de Guanabara e tratar a água dos rios – disse Fichtner.

 

A previsão é de que a nova estação de tratamento de esgoto seja instalada no bairro de Alcântara, em São Gonçalo. Fichtner lembrou que apenas 10% do esgoto da região eram tratados há seis anos e que agora este índice chegou a 30%.

 

– Vamos assumir metas exatamente para aumentar ainda mais esse tratamento, para que a gente possa ter uma Baía de Guanabara limpa em pouco tempo – disse o secretário da Casa Civil.

 

Uma das novidades apresentadas na audiência é o hotsite que será criado dentro da página da Secretária do Ambiente para que a população acompanhe o andamento dos projetos e saiba quanto de esgoto está sendo tratado em cada estação. Carlos Minc ressaltou que, em breve, três praias da Baía de Guanabara estarão próprias para o banho.

 

– Em um ano e oito meses, as pessoas poderão mergulhar nas praias da Urca, Moreninha, em Paquetá, e Bica, na Ilha do Governador – afirmou Minc.

Anúncios