Secretaria do Ambiente demole casa em construção em Búzios

Foto:Divulgação

Foto:Divulgação

 

Ascom SEA

por Ronie Lima 

 

Residência estava sendo erguida ilegalmente em área de preservação ambiental (APP) no topo de um morro no Bairro da Rasa, no balneário turístico da Região dos Lagos

 

Uma casa que estava sendo construída ilegalmente em área não edificante na Praia Rasa, no Município de Búzios, na Região dos Lagos, foi demolida hoje (30/11) por agentes da Coordenadoria de Combate aos Crimes Ambientais (Cicca; órgão da Secretaria de Estado do Ambiente) e da prefeitura. A ação ambiental teve apoio do Comando de Policia Ambiental e do Instituto Estadual do Ambiente (Inea).

 

O terreno em questão possui inclinação superior a 45º graus, sendo ilegal qualquer construção no local, por se tratar de uma área de preservação permanente (APP). Dois caminhões e uma retroescavadeira foram usados na demolição. Mas devido ao acesso precário ao local, o trabalho de derrubada só será concluído em mais alguns dias.

 

Moradores elogiaram a operação da Cicca, pois tinham receio de que outras casas seriam erguidas na região. No local, os agentes ambientais apreenderam materiais que seriam usados em breve em outras construções.

 

As responsáveis pela casa derrubada hoje – Jeane Cordeiro e Alice Taboas – já haviam recebido varias notificações da Prefeitura de Búzios devido à ilegalidade da obra. Como as proprietárias não cumpriram a determinação da paralisar a obra, a Cicca e a prefeitura acabaram promovendo a demolição do imóvel em construção.

 

As proprietárias agora responderão por crime ambiental e enfrentarão uma ação civil pública para obrigá-las a arcar com os custos da demolição, com a retirada dos resíduos da obra da mata ainda existente no terreno e com a recuperação florestal do que já foi desmatado.

 

O secretário estadual do Ambiente, Carlos Minc, elogiou a operação, afirmando que as ações de combate aos crimes ambientais vão continuar na região. “Estamos empenhados em combater os degradadores do meio ambiente. Se a casa em construção não fosse derrubada, outras acabariam se espalhando pelas encostas de Búzios”, afirmou.

 

Segundo o coordenador da Cicca, José Maurício Padrone, antigamente se construíam casas em qualquer local. “A legislação ambiental não era respeitada por que os criminosos acreditavam que ficariam impunes. Mas hoje a história mudou de figura: a Cicca vem demolindo administrativamente diversas construções ilegais. Que fique claro para quem desrespeita as normas ambientais que não é mais um bom investimento apostar na ilegalidade.”

Foto:Divulgação

Foto:Divulgação

 

Anúncios