GOVERNO DO ESTADO INAUGURA UNIDADE DE COMBATE A CRIMES AMBIENTAIS NA SERRA DA TIRIRICA

Parque estadual que abrange áreas de Niterói e Maricá recebe a oitava Upam do Rio de Janeiro

Ascom SEA

» Rodrigo Burgos

Inauguração Upam Paque Estadual da Serra da Tiririca 28-08-2013 053

Em parceria com a Secretaria de Estado de Segurança, a Secretaria do Ambiente (SEA) inaugurou nesta quarta-feira (28/8) a Unidade de Policiamento Ambiental (Upam) do Parque Estadual da Serra da Tiririca, que abrange os municípios de Niterói e Maricá.
A Upam da Serra da Tiririca é a oitava implantada no Estado do Rio de Janeiro. Já contam com unidades de combate a crimes ambientais os parques estaduais do Desengano, Três Picos, Pedra Branca e da Ilha Grande, e a Reserva Ecológica da Juatinga, além das Upams Móvel e Marítima.
Com um efetivo de 28 policiais militares, a Upam do Parque Estadual da Serra da Tiririca visa a intensificar o combate aos crimes ambientais em áreas preservadas, manter a segurança no entorno do local, realizar fiscalizações contra ocupações irregulares e monitorar a presença de caçadores.
O comandante da nova Upam, capitão Marcelo Sarmento, garantiu que os crimes ambientais no parque e áreas vizinhas serão combatidos com entusiasmo e vigor:
“Os policias da Upam da Tiririca são altamente especializados no âmbito ambiental. Uma tropa madura, conhecedora do ofício que irá exercer. Defender a natureza é defender as futuras gerações, nossos filhos, netos. Temos a filosofia de atrair a confiança da população local, para que sejam sempre feitas denúncias referentes a crimes ambientais“, disse.
O Parque da Serra da Tiririca possui uma área de aproximadamente 2.400 hectares, abrangendo áreas das regiões Leste e Oceânica de Niterói e parte do bairro Itaipuaçu, em Maricá.
Idealizador do projeto das Upams, o secretário estadual do Ambiente, Carlos Minc, disse que a nova unidade ”será estratégica para atender não só o Parque Estadual da Serra da Tiririca, mas também importantes áreas ambientais de Niterói, São Gonçalo, Maricá, Tanguá, Itaboraí e Rio Bonito”.
NOVO HELICÓPTERO PARA FISCALIZAÇÃO
O coordenador da Coordenadoria de Combate aos Crimes Ambientais (Cicca), da SEA, coronel José Maurício Padrone, anunciou, na cerimônia, que as Upams terão o seu trabalho de fiscalização e combate a crimes ambientais reforçado com a aquisição de um helicóptero com recursos do Fundo Estadual de Conservação Ambiental e Desenvolvimento Urbano (Fecam).
“A presença de uma polícia especializada na temática ambiental é um grande avanço, que vem se consolidando a cada dia. Com o reforço de mais um helicóptero, vamos intensificar e melhorar ainda mais o nosso trabalho de repressão aos delitos ambientais“, afirmou Padrone.
Segundo ele, as Upams são importantes para inibir os criminosos ambientais. “Não nos interessa prender o criminoso depois de a árvore ter sido cortada. O que interessa para nós é impedir que essa árvore vá ao chão, evitando mais um crime contra a natureza. A Upam representa essa repressão, aliada à educação ambiental feita pelos parques.“
Segundo o comandante do Comando de Polícia Ambiental (Cpam), coronel Eduardo Frederico, a assistência da Upam do Parque Estadual da Serra da Tiririca reforçará a conservação ambiental nos municípios de Maricá e Niterói, e adjacências:
“Policiais com habilidades e percepções aguçadas para as questões ambientais são um braço eficaz e estratégico na gestão ecológica do Estado do Rio de Janeiro. Atuar na proteção do meio ambiente é um trabalho grande, porém, bastante gratificante“, disse.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s