Comissão de Meio Ambiente da Alerj constata avanço do saneamento em Barra Mansa e Volta Redonda

Tratamento de esgoto na Região do Médio Paraíba foi viabilizado com recursos do Fecam obtidos quando Minc era secretário do Ambiente

 Ao lado do prefeito de Volta Redonda, Antônio Francisco Neto (camisa azul), Minc vistoriou obras de tratamento de esgoto na Cidade do Aço.

O vice-presidente da Comissão de Defesa do Meio Ambiente da Alerj, deputado Carlos Minc, gostou do que viu hoje (4/6) em Barra Mansa e Volta Redonda, após fiscalizar o andamento das obras de saneamento nessas duas importantes cidades da Região do Médio Paraíba. As intervenções, em geral, estão em estado avançado, e deverão ser concluídas até o final do ano.

“Na Semana do Meio Ambiente, essa é uma boa notícia para o Rio Paraíba do Sul, principal manancial de água da Região Metropolitana”, disse Minc, se referindo às obras de canalização e tratamento de esgoto de boa parte dessas cidades, o que evitará o despejo de esgoto in natura no Paraíba do Sul.

“Com a conclusão das obras, Barra Mansa passará de 6% para 65% de sua população atendida com esgoto tratado e Volta Redonda, de 5% para 50%. Esse é um dado interessante nessa briga com o Estado de São Paulo, porque quando você trata bem o seu rio, você tem mais moral para defender o que é seu”, disse Minc.

Ao longo de seis anos, quando esteve à frente da Secretaria de Estado do Ambiente, Minc veio investindo recursos do Fundo Estadual de Conservação Ambiental (Fecam) para ampliar a coleta e o tratamento de esgoto de Barra Mansa e Volta Redonda. A situação de saneamento, que era horrível, já apresenta avanços significativos.

Foi esta realidade que o vice-presidente da comissão ambiental da Alerj – que deixou a Secretaria do Ambiente em janeiro passado – constatou em sua visita de fiscalização aos dois municípios.

De manhã, ao lado do prefeito de Barra Mansa, Jonas Marins, e de representantes da concessionária Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE), Minc visitou as obras de construção das ETEs Saint-Gobain e Ano Bom. “Até o final do ano, a ETE Saint-Gobain ficará pronta, beneficiando 100 mil moradores. A ETE Ano Bom está praticamente concluída, em benefício de 30 mil habitantes”, disse Minc.

As obras de saneamento em Barra Mansa contam com R$ 40 milhões do Fecam e mais R$ 2 milhões de contrapartida da prefeitura. A instalação das redes de captação de esgoto também está avançada. Já foram implantadas redes nos bairros Ano Bom, Getúlio Vargas, Santa Rosa, São Francisco de Assis, Vale do Paraíba, Vila Curinga, Vila Delgado e Vila Isabel.

Depois de Barra Mansa, Minc seguiu para Volta Redonda, também percorrendo frentes de obras com o prefeito Antônio Francisco Neto e representantes da SAAE. “Estivemos nas obras da ETE Correios, que tem capacidade para tratar o esgoto de 75 mil moradores e deve ser inaugurada até o final do ano”, afirmou Minc.

Minc checou também o avanço da instalação de redes de coleta de esgoto nos bairros de Casa de Pedra, Jardim Belvedere, Siderópolis, Tiradentes, Vila Rica e Vila Santa Cecília.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s