Defendo a criação da Delegacia Especializada de Combate aos Crimes de Intolerância Religiosa, que já existe em São Paulo. Precisamos reforçar a estrutura de combate a esse tipo de crime. Está aumentando a intolerância religiosa: vários terreiros de umbanda e candomblé estão sendo fechados por causa de perseguições. Três promotores de Justiça fazem investigação que correlaciona ex-traficantes, convertidos, com as  perseguições às religiões de matrizes africanas, como no caso do barracão de Mãe Conceição, em Caxias, que já sofreu oito atentados!

Carta Capital(05/08/14): Os orixás protegem

http://bit.ly/1kEpVLg

foto

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s