Deu na Mídia – Estadão (9/3/2015): Ativistas protestam no Rio pelo cultivo caseiro da maconha

Defendo a não criminalização dos usuários da maconha. Droga não tem que ser assunto de polícia, mas de saúde pública, de prevenção, de redução de dano. Por isso, dei apoio ao protesto, promovido esta semana, na Central do Brasil, contra as recentes prisões de pessoas que plantam maconha em casa, para consumo próprio. Recentemente, recebi pedido de ativistas dessa causa para realização de audiência pública sobre essa escalada de prisões. Vamos promovê-la em abril, na Alerj, dando visibilidade à ilegalidade e hipocrisia dessas prisões! A Lei Nacional de Drogas, de 2006, equipara o pequeno plantador para autoconsumo ao consumidor. Veda a prisão em ambos os casos, só determinando multa e advertência, mas o que está ocorrendo é o contrário. Vamos dar um basta a esse estado de coisas. Quem planta para consumo próprio não incentiva o tráfico de drogas.

pag1

pag2

pag3

Estadão (9/3/2015): Ativistas protestam no Rio pelo cultivo caseiro da maconha

http://bit.ly/1AqRBEB

Defensores do plantio doméstico de maconha se reuniram para pedir a liberdade de cultivadores presos e de vítimas da chamada guerra às drogas. Organizado por grupos que participam também da Marcha da Maconha, o evento foi realizado próximo àCentral do Br

Foto: Fábio Motta/Estadão

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s