Reflorestamento de mananciais de água

IMG_0816

No debate que promovemos na Alerj, sobre os projetos de leis 453 e 981/2015, que criam as políticas estaduais de Pagamentos por Serviços Ambientais e de Restauração Ecológica, Beto Mesquita, da Conservação Internacional, e Maurício Ruiz, do Instituto Terra de Preservação Ambiental, foram precisos na importância ambiental e econômica de plantarmos Mata Atlântica. Se conseguíssemos reflorestar, em dez anos, os 3 mil hectares da Bacia do Rio Guandu, a um custo de R$ 50 milhões, contendo a erosão que polui o principal manancial de água da Região Metropolitana, a Cedae economizaria R$ 150 milhões, até 2050, no tratamento da água. Outro exemplo bacana: em sete anos de ações de reflorestamento no Município de Rio Claro, foram gerados 270 postos de trabalho – sendo que 87% da mão de obra não possui ensino fundamental completo, e teria assim problemas de inserção no mercado formal de trabalho. Ou seja: investir no meio ambiente é um ótimo negócio!!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s